sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Folha de São Paulo: Justiça obriga Central Nacional Unimed a atender clientes da Paulistana - 18/09/2015 - Cotidiano - Folha de S.Paulo

Justiça obriga Central Nacional Unimed a atender clientes da Paulistana - 18/09/2015 - Cotidiano - Folha de S.Paulo

Está agora na Folha on-line: a Justiça determinou que a UNIMED Nacional assuma os clientes da UNIMED paulistana que não conseguirem atendimento. A UNIMED paulistana quebrou. A UNIMED nacional disse que não foi notificada. Cabe recurso. 

Diz a matéria da Folha de SP:

Os clientes da Unimed Paulistana que não conseguirem atendimento na rede da empresa em até 24 horas deverão ser atendidos pela Central Nacional Unimed (CNU).
É o que determina uma liminar expedida pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) nesta quinta-feira (17).
A decisão é uma resposta a uma ação do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), que argumentou que a CNU tem responsabilidade solidária pelos clientes da Paulistana. Cabe recurso.
Fonte: Justiça obriga Central Nacional Unimed a atender clientes da Paulistana - 18/09/2015 - Cotidiano - Folha de S.Paul
Telegrama Sindical: Justiça obriga Central Nacional Unimed a atender clientes da Paulistana - 18/09/2015 - Cotidiano - Folha de S.Paulo

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Sindicato Expresso

SINDMED-JF

SINDMED-JF
A luta sindical na Internet.

PARA INDICAR O SINDICATO EXPRESSO, CLIQUE NO LINK ABAIXO.

Indique este Site!

ASSINE O SINDICATO EXPRESSO - GRÁTIS E RECEBA EM PRIMEIRA MÃO.

Receba Sindicato Expresso por e-mail

Grupos do Google
Participe do grupo Sindicato Expresso
E-mail:
Visitar este grupo