sexta-feira, 27 de novembro de 2009

TELEGRAMA_SINDICAL_194

TELEGRAMA SINDICAL 194

Ano IV – Número 194 – Juiz de Fora, 27 de novembro de 2009.
Sindicato dos Médicos de Juiz de Fora e da Zona da Mata.
--------------------------------------------------------------
CONTRA A POLÍTICA DE ARROCHO SALARIAL E FISCAL DA ATUAL ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL.
--------------------------------------------------------------
SINDICATO DOS MÉDICOS MOBILIZA-SE EM DEFESA DO PSF.

NOVA ASSEMBLÉIA SERÁ REALIZADA DIA PRIMEIRO DE DEZEMBRO.

O Sindicato dos Médicos realizou Assembléia Geral Extraordinária dos
Médicos de Saúde da Família e Comunidade na noite de 26 de novembro.
Na pauta da reunião estavam as questões ligadas à AMAC, cujo contrato
com a Prefeitura vencerá no dia 31 de dezembro. Estando a situação da
AMAC sendo alvo de contestação do Ministério Público, com instauração
de inquéritos, está em questão a possível não renovação do contrato.

O impasse tem levado intranqüilidade aos servidores da AMAC, suas
famílias e à população assistida pelo PSF. Os médicos de família e
comunidade, que tem vínculo empregatício com a AMAC, são, atualmente,
o sustentáculo das unidades básicas de saúde. A sua substituição seria
impraticável, se considerarmos os péssimos salários que a Prefeitura
de Juiz de Fora destina aos médicos. Atualmente o vencimento básico
inicial não atinge três salários mínimos.

Os médicos presentes foram informados da atuação do Fórum Sindical
Permanente do Serviço Público Municipal, formado pelo SÏNSERPU,
Sindicato dos Professores e Sindicato dos Médicos. Também foram
informados da iniciativa do Presidente do Sindicato, Dr. Gilson
Salomão, de tentar reunir-se com os representantes da entidades da
classe médica – Sociedade de Medicina e Conselho Regional de Medicina,
para avaliar a aflitiva situação em que se encontram os médicos do
serviço público municipal de Juiz de Fora.

Na próxima terça-feira, 1º. de dezembro, será realizada nova
Assembléia, com a presença da assessoria jurídica do Sindicato. Nela
estará em pauta o conjunto de ações a serem desenvolvidos contra o
corte dos salários dos médicos que fizeram greve contra os baixos
salários e a deterioração das condições de trabalho na PJF. A
administração do Sr. Custódio de Matos respondeu à greve com dura
repressão, que incluiu o corte dos salários dos profissionais.
------------------------------------------------------------
MINAS GERAIS: DESCONTENTAMENTO GENERALIZADO NO FUNCIONALISMO PÚBLICO –
GOVERNO DE AÉCIO NEVES GASTA MUITO EM PROPAGANDA – POLÍCIA CIVIL
MINEIRA ENTRA EM GREVE.
Leia em http://faxsindical.wordpress.com/2009/11/27/governo-aecio-muito-descontentamento-e-muita-propaganda/

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Sindicato Expresso

SINDMED-JF

SINDMED-JF
A luta sindical na Internet.

PARA INDICAR O SINDICATO EXPRESSO, CLIQUE NO LINK ABAIXO.

Indique este Site!

ASSINE O SINDICATO EXPRESSO - GRÁTIS E RECEBA EM PRIMEIRA MÃO.

Receba Sindicato Expresso por e-mail

Grupos do Google
Participe do grupo Sindicato Expresso
E-mail:
Visitar este grupo