quinta-feira, 11 de julho de 2013

Na Espanha disseram que mais médicos não é solução para saúde no Brasil

O governo brasileiro, ao anunciar o programa "Mais Médicos", fez uma aposta política muito séria: tentou descolar o governo da situação crítica dos serviços públicos de saúde e colar nos médicos a responsabilidade que o governo omitiu. Dará certo? Daria se existissem soluções coerentes, consistentes e robustas para a saúde. Não parece ser o caso. 2014 - teremos eleições e as pessoas que usam o e trabalham no sistema público de saúde vão perceber que a qualidade desses serviços continua ruim. Não é difícil perceber isso e a presidente Dilma ainda vai ter oportunidade de cobrar ao Ministro Padilha o custo dessa aventura.

Padilha foi à Espanha vender a "importação" e os médicos espanhóis estudaram as ofertas do Ministro e a realidade do SUS e declararam que a ida de profissionais estrangeiros para o SUS no Brasil não é solução para a saúde.
http://noticias.r7.com/saude/medicos-espanhois-dizem-que-nao-sao-a-solucao-para-os-problemas-de-saude-no-brasil-11072013


Enviado do meu BlackBerry® da TIM

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Sindicato Expresso

SINDMED-JF

SINDMED-JF
A luta sindical na Internet.

PARA INDICAR O SINDICATO EXPRESSO, CLIQUE NO LINK ABAIXO.

Indique este Site!

ASSINE O SINDICATO EXPRESSO - GRÁTIS E RECEBA EM PRIMEIRA MÃO.

Receba Sindicato Expresso por e-mail

Grupos do Google
Participe do grupo Sindicato Expresso
E-mail:
Visitar este grupo