segunda-feira, 1 de abril de 2013

Hospital para por salário, carreira e segurança no trabalho

.'.Sindicato Expresso.'.

Juiz de Fora, 01 de abril de 2013


De: Sindicato dos Médicos de Juiz de Fora e Zona da Mata MG


Assunto: Luta por salário digno, PCCS decente e segurança no trabalho



Atenção médicos municipais da Prefeitura de Juiz de Fora

*** Muito importante ***

Amanhã, 02 de abril, terça-feira, 19 horas e 30 minutos, vai acontecer uma assembleia geral. Desnecessário é enfatizar a importância da presença de todos.

A situação dos médicos municipais é muito grave e pede soluções de emergência.

1- O vencimento básico inicial de um médico municipal é infame. Os valores líquidos não chegam a 1.400 reais.

2- O médico municipal é discriminado pela Prefeitura de Juiz de Fora. O salário do Médico é 25 (vinte e cinco) % menor que o do nível superior. Na prática a Prefeitura rejeita a existência da carga horária especial dos médicos e castiga-os por um direito social adquirido.

3- Não existe plano de carreira. A carreira do médico municipal de Juiz de Fora é reduzida a umas linhas no rodapé da página.

4- A Prefeitura não tem feito concursos públicos, recorrendo sistematicamente a mão de obra volátil, como contratações temporárias e terceirizações irregulares via CLT. Isso causa precarização do trabalho, alta rotatividade de mão de obra e quadros de profissionais incompletos e deficientes.

5- As condições de trabalho e segurança no trabalho deixam a desejar.

Não é correto querer construir o SUS sobre bases tão frágeis e irregulares.

Vamos a assembleia construir nossas reivindicações e nossa mobilização. A luta tem que continuar.



Por salário, segurança e PCCS servidores da saúde param hospital na grande São Paulo

POÁ - Grande São Paulo - Profissionais de Saúde de Hospital Público suspendem atividades.

Apenas 30% se apresentam no trabalho para garantir atendimento a emergências.

Por que pararam?
1- Querem salário decente.
2- Querem plano de carreira.
3- Querem segurança no trabalho.
Convenhamos que quem trabalha há de lhes dar razão.

http://m.g1.globo.com/sp/mogi-das-cruzes-suzano/noticia/2013/03/medicos-e-enfermeiros-de-hospital-em-poa-anunciam-paralisacao.html

""" Médicos e enfermeiros do Hospital Municipal Guido Guida, em Poá, na Região Metropolitana de São Paulo , anunciaram na manhã deste domingo (31), a paralisação de 70% do quadro de funcionários de plantão.
O Hospital Municipal Guido Guida faz atendimentos clínicos e pediátricos em Poá. De acordo com a representante do Sindicato dos Trabalhadores Públicos na Saúde (Sindisaúde), todos os funcionários apoiam a greve, mas alguns continuam atendendo. "Urgências e emergências são atendidas pelos 30% de funcionários que continuam trabalhando", salienta Kátia Aparecida dos Santos.
Os pacientes que procuram a unidade hospitalar são encaminhados a outras cidades. "A orientação é procurar os hospitais em cidades próximas como Ferraz, Suzano e Itaquá", destaca a representante do Sindisaúde.

Paralisação teve início na manhã do domingo (31).
A greve teve início às 6h do domingo e, segundo Kátia, não tem prazo para acabar. "Estamos reivindicando o aumento salarial. Queremos 30% de aumento e algumas outras reivindicações como plano de cargos e carreiras e mais segurança para os servidores", disse.
De acordo com os funcionários do hospital, muitos pacientes vêm de fora da cidade. Moradores de Itaquaquecetuba, Suzano, Ferraz de Vasconcelos e São Paulo procuram a unidade. "Precisamos de um aumento no quadro de funcionários", diz a auxiliar de enfermagem Edna Geraldina Pena. "Queremos também aumento no salário, e segurança. Ontem mesmo uma colega sofreu agressão", destaca. "Só pedimos o que está nos nossos direitos."""

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Sindicato Expresso

SINDMED-JF

SINDMED-JF
A luta sindical na Internet.

PARA INDICAR O SINDICATO EXPRESSO, CLIQUE NO LINK ABAIXO.

Indique este Site!

ASSINE O SINDICATO EXPRESSO - GRÁTIS E RECEBA EM PRIMEIRA MÃO.

Receba Sindicato Expresso por e-mail

Grupos do Google
Participe do grupo Sindicato Expresso
E-mail:
Visitar este grupo