quinta-feira, 28 de novembro de 2019

Governo planeja reonerar a cesta básica, que ficará 23% mais cara

O senhor Tostes Neto, secretário da Receita Federal, vem anunciar, em nome de seus patrões (Guedes & Bolsonaro) que a desoneração da cesta básica vai acabar. O governo quer o dinheiro da 'renúncia fiscal', passando a aumentar o custo da mesa do assalariado, do pobre e do remediado. "Para compensar o gasto com tributo, o governo deve devolver dinheiro aos mais pobres como adicional aos programas sociais." E quem não recebe nada de programas sociais? (Fonte:https://istoe.com.br/desoneracao-da-cesta-basica-vai-acabar-diz-tostes-neto/) O jornalista Reinaldo Azevedo desvenda a armação oficialista: "A ideia do governo é calcular uma média de quanto, por exemplo, os beneficiários do Bolsa Família teriam de gastar a mais com os produtos da cesta básica e fazer uma devolução em dinheiro — creditando o valor na conta dos que são atendidos pelo programa. Assim, apenas os mais ricos sentiriam o impacto. Os mais ricos??? O Bolsa Família atende a famílias que vivem na chamada "pobreza extrema", com renda per capita de R$ 89 por mês, e de pobreza: entre R$ 89,01 e R$ 178. Nessa conta, quem vive com o salário acaba integrando a categoria dos "mais ricos", vai sentir o impacto do fim da renúncia fiscal na forma de aumento de preços e não vai ter compensação nenhuma." (Matéria completa em https://reinaldoazevedo.blogosfera.uol.com.br/2019/11/28/guedes-e-os-pobres-reoneracao-da-cesta-basica-e-ricos-do-salario-minimo/) Conclusão: _"Custo aumentará de R$ 473 para R$ 581 em SP, o que que corresponde a quase 60% do salário mínimo." (https://oglobo.globo.com/economia/cesta-basica-subira-mais-de-20-se-aprovada-proposta-do-governo-para-acabar-com-isencao-de-impostos-24105873 ) Quem ganha um ou alguns salários mínimos virou rico n nos cálculos do governo.

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Sindicato Expresso

SINDMED-JF

SINDMED-JF
A luta sindical na Internet.

PARA INDICAR O SINDICATO EXPRESSO, CLIQUE NO LINK ABAIXO.

Indique este Site!

ASSINE O SINDICATO EXPRESSO - GRÁTIS E RECEBA EM PRIMEIRA MÃO.

Receba Sindicato Expresso por e-mail

Grupos do Google
Participe do grupo Sindicato Expresso
E-mail:
Visitar este grupo