quarta-feira, 3 de março de 2010

Telegrama Sindical 238

TELEGRAMA SINDICAL 238

===============================

Sindicato dos Médicos de Juiz de Fora.

'''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''

Ano V .'. N° 238 .'. 03 de março de 2010

---------------------------------------------------

O Telegrama Sindical também tem um recurso adicional para se comunicar
com mais rapidez e eficiência com as pessoas interessadas em questões
sindicais e políticas relacionadas a emprego, salário e renda, em
especial ao trabalho médico. É a página do Fax Sindical no Twitter.
Nela é possível saber, em primeira mão, assuntos que ajudam a
informação do profissional e a comunicação do Sindicato dos Mëdicos de
Juiz de Fora e Zona da Mata com os médicos de Juiz de Fora e região,
com as entidades sindicais e com as pessoas interessadas no trabalho
médico e na saúde pública e suplementar. O endereço eletrônico é
http://twitter.com/faxsindical -.
Esse recurso tem a agilidade e a facilidade de um verdadeiro telegrama.
'''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''

No dia 03 de março tratamos dos seguintes assuntos:

1- Aperfeiçoamento do trabalho médico.

A participação de entidades como as associações médicas e os conselhos
de Medicina, têm sido importantes para o aperfeiçoamento da qualidade
do trabalho médico. Nessa relação, algumas dessas entidades, em vários
estados da federação, tem sido mais ativas e interessadas nos
problemas que perpassam o dia a dia dos profissionais da Medicina.
Uma delas é a AMRIGS. A Associação Médica do Rio Grande do Sul mostra
a sua produtividade e justifica a sua razão de ser acompanhando
atentamente questões de elevada importância para o aperfeiçoamento do
trabalho médico, como a legislação que cria o prontuário eletrônico
nacional para o SUS, em tramitação no Congresso e as diretrizes
clínicas adotadas na definição dos procedimentos médicos fornecidos
pelos planos de saúde, inclusive cooperativas. Quem quiser saber mais
a respeito desses assuntos, basta clicar nos links sugeridos abaixo.

Congresso discute prontuário eletrônico nacional para o SUS. Veja em
http://tiny.cc/83uSx

Associação Médica do RS discute diretrizes clínicas com ANS. Veja
emhttp://migre.me/m6JA

______________________________________
2- Situação em Juiz de Fora. Sindicato dos Médicos está negociando com
a Prefeitura o problema das gratificações dos servidores públicos
municipais que atuam em serviços essenciais de urgência e emergência.
Houve uma reunião pela manhã que logo foi publicada no Twitter do Fax
Sindical.

Juiz de Fora saúde em crise 03/03 reunião médica constata carência de
médicos e recursos nas regionais e no hps.

O Sindicato dos Médicos está preocupado com o andamento das
negociações e com o seu desfecho. Nessa reunião ficou evidente para
todos os presentes que a falta de médicos é um problema grave em todas
as unidades de pronto atendimento. Em todos as escalas estão
incompletas ou reduzidas. Ou seja, onde deveriam ter 3 ou 4 médicos
para atender aos usuários do SUS, existem 2 ou mesmo 1. Essa situação
é agravada pela carência de recursos materiais, como medicamentos,
insumos, equipamentos, pela eventual carência de vagas hospitalares e
pelas condições de trabalho difíceis. O Sindicato acredita que a
solução para esse problema vai estar em um plano de cargos, carreiras
e salários decente para os médicos da Prefeitura e em uma gratificação
para os profissionais que atuam em unidades de urgência que seja
atraente. Essa é a grande responsabilidade da atual administração
municipal nesse momento. E o Sindicato vai levar a sua contraproposta
ao Secretário de Administração e Recursos Humanos, Vitor Valverde.

O Sindicato apurou também que, apesar da imperfeição das legislações
municipais e de certos órgãos públicos, a Justiça tem reconhecido a
incorporação de gratificações, quando habituais. No Twitter publicamos
o seguinte post, que indica para farta jurisprudência nessa matéria.

Saiba porque gratificações devem ser incorporadas ao salário quando
habituais. Está em http://tiny.cc/ioMh
_________________________________________

3- A luta médica continua pelo Brasil. Em Olinda e Natal os médicos
estão realizando paralisações e atos públicos. Sem luta não há vitória

Olinda - médicos param atendimento de consultas agendadas em defesa do
trabalho decente. http://tiny.cc/wOWME

Olinda greve dos médicos tem grande adesão. Confira em http://tiny.cc/mVEcp

Sindicatos dos Médicos e servidores fazem greve em Natal. Leia em
http://tiny.cc/h0kzT

Em Teresina, a Câmara Municipal, depois de uma luta prolongada e
árdua, aprovou o PCCS dos médicos municipais daquela capital
nordestina. Ele servirá de exemplo para os colegas de municípios do
interior do Piauí.

Os policiais militares, que se mobilizaram em caravanas a Brasília
para defender o seu piso salarial nacional, conseguiram a aprovação da
PEC que ajuda a garantir sua dignidade profissional.

PM terá um piso nacional unificado e poderá ter isonomia. Não há
vitória sem luta. Você pode ler a matéria em http://tiny.cc/2yiUx

Piso salarial nacional de PM aprovado. Falta um para os médicos. Leia
em http://tiny.cc/k9WZF
Uma lição para os médicos. Sem lutas e sacrifícios não haverá vitória.
_______________________________________

4- Outras notícias divulgadas no Twitter

4.a) No Rio Grande do Sul:
Sindicato dos Médicos notifica Prefeitura por contratação irregular.
Leia em http://tiny.cc/jX1xj

4.b)No Rio de Janeiro:

Sérgio Cabral quer seduzir médicos do Rio com gorjetas. Saiba como em
http://tiny.cc/K5RBm

Minas está exportando a ineficácia do Governo de Aécio para o Rio de Janeiro.
Cemig compra Light mas seu desnpenho, com Aécio foi pior. Confira em O
GLOBO, de hoje ou http://tiny.cc/we5rf

4.b) Engana-se quem pensa que a privatização das policlínicas de São
Pedro e de Santa Luzia foi uma eventualidade para atender uma
emergência. Na verdade faz parte de uma ação privatista mais ampla.
Repetem aqui a lição de José Alagão Serra, em São Paulo, que entregou
a OSCIPS como o Instituto Sollus, vários serviços públicos de saúde. O
Instituto Sollus está sob investigação por suspeita de desvio de
dinheiro do SUS em Porto Alegre. E a privataria do governo de Custódio
de Matos não se limita à Saúde. Além dos caminhões de lixo, atinge até
as creches. A sociedade civil reage às privatizações custodianas. O
Telegrama Sindical divulgou no Twitter a reação do Conselho Tutelar à
privatização da creche do Manoel Honório.
--------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Sindicato Expresso

SINDMED-JF

SINDMED-JF
A luta sindical na Internet.

PARA INDICAR O SINDICATO EXPRESSO, CLIQUE NO LINK ABAIXO.

Indique este Site!

ASSINE O SINDICATO EXPRESSO - GRÁTIS E RECEBA EM PRIMEIRA MÃO.

Receba Sindicato Expresso por e-mail

Grupos do Google
Participe do grupo Sindicato Expresso
E-mail:
Visitar este grupo