domingo, 14 de junho de 2009

JUIZ DE FORA: MÉDICOS DA PREFEITURA - SALÁRIO RUIM E CRISE NA SAÚDE.

Sindicato dos Médicos de Juiz de Fora (14/06/2009).
=======================================
<<<<<<< * TELEGRAMA SINDICAL * >>>>>>>
=======================================
O PALÁCIO FLUTUANTE E O SALÁRIO DO FUNCIONÁRIO PÚBLICO.
Já no início do ano, o Governo do Estado de Minas Gerais anunciou aos seus servidores públicos que não concederia aumentos ou reajustes. Como se fizesse favor, anunciou que manteria o pagamento em dia e pagaria o décimo-terceiro. O pretexto alegado foi a crise financeira internacional.
Em Juiz de Fora, estamos vendo o mesmo filme, rodado pela administração Custódio de Matos (PSDB - o mesmo partido do Governador).
Aparentemente o tão propagandeado choque de gestão de Aécio Neves (PSDB) não serviu para preparar as finanças do Estado para os momentos difíceis. Mas, serviu para alavancar o governador mineiro à condição de Faraó das Alterosas, de Nabucodonosor das Minas Gerais.
A revista "Época", de 1 de junho de 2009 (No.576 - que traz na capa uma foto do insígne e reconhecido poeta Ferreira Gullar), nas páginas 54 a 57, contém matéria intitulada "A Disneylândia de Aécio". Fala do novo centro administrativo que Aécio (PSDB) está erguendo em Belo Horizonte, orçado em 1,2 bilhão. A caríssima obra começou com um orçamento de 500 milhões, quando Aécio, em discurso, falou do projeto, já custava 880 milhões quando o local da obra foi definido e 949 milhões na licitação. Hoje custa 1,2 bilhão, com esses acréscimos que viraram praxe nas obras estaduais mineiras nesses tempos de Aécio. Trata-se de um conjunto de edificações e áreas urbanizadas que vão sediar palácios requintados e prédios luxuosos. A revista informa que é a maior edificação em andamento de toda a América Latina. A matéria inicia com a frase: "Seis anos após o início de um rigoroso programa de ajuste fiscal que impôs congelamento de salários, fechamento de secretarias, demissões e paralisação de investimentos, o Governador Aécio Neves (PSDB) começa a moldar uma nova imagem da sua gestão." Fotos da obra miliardária e faraônica podem ser consultas no site epoca.com.br .
Essa é a política ditada por Aécio (PSDB). Para os funcionários públicos uma colher de angú em uma mão e um chicote na outra. Para os apaniguados e hóspedes do poder, palácios sofisticados e prédios luxuosos.
O Prefeito Custódio de Matos (PSDB) não deveria seguir essa velha receita. Ele também tem anunciado obras. Mas tem na Prefeitura uma situação salarial complicada. Um médico da Prefeitura de Juiz de Fora tem vencimento básico inicial inferior a três salários mínimos e menor do que o soldo de um soldado de segunda classe da Polícia Militar.
A atitude negativista da administração Custódio de Matos (PSDB) em relação às reivindicações dos médicos municipais, se persistir, trará consequências lamentáveis para o funcionamento do sistema público de saúde na cidade.

Um comentário:

Presidente da FENAM fala sobre o PCCV disse...

Presidente da FENAM fala sobre o PCCV

Em entrevista à FENAM TV, o presidente da Federação Nacional dos Médicos, Paulo de Argollo Mendes, falou sobre o Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV).

Entenda melhor este plano, elaborado pela FENAM, CFM e AMB em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV) que visa melhorar a carreira médica no setor público e privado.

http://web.fenam2.org.br/tv/showData/385702

Arquivo do blog

Sindicato Expresso

SINDMED-JF

SINDMED-JF
A luta sindical na Internet.

PARA INDICAR O SINDICATO EXPRESSO, CLIQUE NO LINK ABAIXO.

Indique este Site!

ASSINE O SINDICATO EXPRESSO - GRÁTIS E RECEBA EM PRIMEIRA MÃO.

Receba Sindicato Expresso por e-mail

Grupos do Google
Participe do grupo Sindicato Expresso
E-mail:
Visitar este grupo